Navegue
por categorias

Saiba Tudo Que Você Precisa Para Explorar Minas Gerais De Bicicleta

Famoso por suas belas paisagens e principalmente sua deliciosa gastronomia, o estado de Minas Gerais vem se destacando entre os roteiros mais procurados por quem gosta de explorar seus destinos de bicicleta. Pedalando é possível ter uma experiência ainda mais rica! Minas Gerais tem os cenários perfeitos e toda a infraestrutura necessária para os cicloturistas se divertirem e apreciarem as belezas com segurança e sem passar perrengues.

Para colocar o pedal na estrada, basta ter vontade e claro, uma bike bem revisada que proporcione segurança na viagem. Minas Gerais é rico em agências especializadas em cicloturismo e você pode procurar uma delas para programar o seu roteiro. Também é possível fazer tudo por conta própria, mas aí é necessário planejar bem o caminho, as paradas, a distância a ser percorrida em cada trecho, suprimentos e todo o material necessário para não sofrer com os imprevistos.

O secretário de Estado de Turismo de Minas Gerais, Ricardo Faria, destaca as rotas da Serra da Canastra, Serra do Cipó e Serra do Ibitipoca, patrimônios naturais do Estado e lugares mais procurados pelos turistas e Minas. “Recentemente foi implantada também a maior rota de turismo religioso do país, o Caminho Religioso da Estrada Real (CRER), que tem um percurso de mais de 1mil km saindo de Caeté até à cidade de Aparecida do Norte, em São Paulo. São 32 municípios mineiros durante o caminho, que podem ser acessados de bicicleta pelos turistas”, informa o secretário. O Blog do Aventureiro reuniu o que há de melhor para você aproveitar em cada um desses roteiros!

Serra da Canastra – Localizada no Sudoeste de Minas, dentro de um parque nacional com mais de 70 mil hectares de área, a Serra da Canastra é o destino mais procurado para o cicloturismo no estado. Dentro do parque é possível ver de perto a nascente do rio São Francisco e a Casca D’Anta, cachoeira com 186 metros de queda d’água.

Serra do Cipó – As rochas arenosas da Serra do Cipó foram lapidadas há mais de 1 bilhão de anos por depósitos deixados pelo mar! Esse fato histórico deixa a região ainda mais interessante, principalmente para quem gosta de explorar a natureza e entender seus mistérios. O relevo ondulado desta região divide as bacias hidrográficas do Rio São Francisco e do Rio Doce, e abriga centenas de espécies ameaçadas de extinção. São mil hectares com trilhas que passam por cânions, cavernas, sítios arqueológicos e paisagens de tirar o fôlego.

Serra do Ibitipoca – O Parque Estadual do Ibitipoca, que leva o nome da principal cadeia de montanhas da região, é uma área de preservação florestal com uma incrível infraestrutura para o cicloturismo. Além das trilhas do parque, as principais atrações são cachoeiras, grutas e montanhas, como o Pico da Lombada, onde é possível ter a vista de todo o parque.

Vai lá

O Parque Estadual do Ibitipoca permite camping dentro da reserva, tem banheiros, restaurantes e lanchonetes, além de três circuitos de trilhas organizados para que o turista possa conhecer todo o parque. Mas atenção: São permitidos apenas 300 visitantes por dia de segunda a sexta, e 800 visitantes nos finais de semana e feriados. Por isso, é preciso chegar cedo para garantir a reserva e comprar os ingressos, que são vendidos apenas na entrada do parque. Durante a semana, a entrada custa R$ 10,00 por pessoa, e aos finais de semana e feriados R$ 20,00. Para quem vai de bike, o estacionamento é gratuito. Você pode conferir mais informações no site https://www.voltadastransicoes.com/

Local do Evento
SÃO PAULO EXPO
Rodovia dos Imigrantes, KM 1,5
São Paulo, Brasil
COMERCIAL
+55 11 5067-1717 | 1770
comercial@adventurefair.com.br
INFORMAÇÕES, DÚVIDAS E SAC:
FALE CONOSCO
+55 11 5067-1717
+55 11 5067-1770
Atendimento: 09h às 20h
contato@adventurefair.com.br
Dúvidas:
COMPRA DE INGRESSO
SAC: Clique aqui
+55 (11) 4003-2051

Trade e Convidados
CREDENCIAMENTO
+55 (11) 2129-6323
credenciamento@credenciamentoweb.com.br