Navegue
por categorias

Voo livre no Rio de Janeiro

Já sonhou em voar como um pássaro sobre a cidade maravilhosa? O Rio de Janeiro é o cenário perfeito para sentir o vento no corpo e a liberdade de um voo livre, um dos esportes de aventura que mais cresce atualmente Brasil. A experiência de Asa Delta ou Parapente é diferenciada pelos procedimentos de decolagem e pouso, além da posição do corpo nos equipamentos: no primeiro, o voo é com o corpo deitado, e no segundo, sentado.

O primeiro registro de voo livre no Brasil foi em 1974, quando o francês Stephan Donoyer de Segonzac veio ao Rio de Janeiro fazer uma matéria para TV Globo. O estrangeiro ensinou Luis Cláudio Mattos, empreendedor carioca que propagou o esporte entre os seus amigos e organizou o primeiro campeonato de voo livre no país.

Os voos partem da rampa da Pedra Bonita dentro do Parque Nacional da Tijuca, com acesso feito pela estrada de Canoas, aproximadamente 7 km da praia do Pepino. Diariamente, acontece uma média de 100 voos, e em torno de 35.000 saltos por ano, segundo Sidney Esch, presidente do Clube São Conrado de Voo Livre, entidade que regulariza a prática do esporte na cidade.

Aos aventureiros de primeira viagem ou pouco experientes, é necessário esclarecer que os voos de Asa Delta e Parapente devem ser duplos, ou seja, acompanhados de um instrutor profissional. “Antes de decolar, já na rampa de salto, o instrutor faz um treinamento com sua dupla, simulando decolagem e o pouso”, conta Sidney. “Depois deste treinamento, ambos seguem para a decolagem após um check- list feito pelos fiscais de rampa, garantindo um voo seguro”, acrescenta. O tempo médio de um voo duplo de Asa Delta ou Parapente varia de acordo com as condições atmosféricas do dia e pode durar entre 8 e 30 minutos. O pouso oficial é na Praia do Pepino, em área gramada ou na extensão da faixa de areia.

Entre os corajosos, as mulheres são a maioria, e 70% de estrangeiros, segundo os registros do Clube São Conrado de Voo Livre.  A faixa etária varia geralmente entre 20 e 50 anos, mas é possível voar a partir dos 16 anos com autorização dos pais. “Além da coragem, não tem idade máxima, nem muitas limitações. Já registramos um aventureiro de 91 anos, além de cadeirantes e pessoas com necessidades especiais”, completa Sidney.


Vai lá

Local do Evento
SÃO PAULO EXPO
Rodovia dos Imigrantes, KM 1,5
São Paulo, Brasil
COMERCIAL
+55 11 5067-1717 | 1770
comercial@adventurefair.com.br
INFORMAÇÕES, DÚVIDAS E SAC:
FALE CONOSCO
+55 11 5067-1717
+55 11 5067-1770
Atendimento: 09h às 20h
contato@adventurefair.com.br
Dúvidas:
COMPRA DE INGRESSO
SAC: Clique aqui
+55 (11) 4003-2051

Trade e Convidados
CREDENCIAMENTO
+55 (11) 2129-6323
credenciamento@credenciamentoweb.com.br